terça-feira, outubro 25

Dia Nacional da Imprensa



Cliente: Jornal Diário de Notícias
Direcção Criativa: Luís Silva Dias e Duarte Pinheiro de Melo
Redactor: Amândio Cardoso
Director de Arte: Fabiano Bonfim

"Você sabe porque o IVA aumentou este ano? Você sabe porque é que o nosso défice não diminui? Você sabe porque é que somos o país com o mais baixo salário mínimo da Comunidade Europeia? Você sabe porque é que a nossa economia vai crescer tão pouco este ano? Você sabe que Mário Soares se candidatou à presidência da república? Você sabe que na Europa somos os pioneiros do sistema Via Verde? Você sabe quem foi o português que inventou o sistema informático do multibanco? Você sabe quem é o português que preside à Comunidade Europeia? Você sabe o que o nosso Governo está a fazer em prol das vítimas dos incêndios deste ano? Você sabe que Portugal hoje em dia exporta novelas para o mundo? Você sabe quem é que está à frente no campeonato português de futebol? Você sabe porque é que Portugal foi escolhido para ser o país sede do Euro 2004? Você sabe porque é que o Scolari não convocou o Vitor Baía? Você sabe que a selecção portuguesa está a apenas um ponto de se qualificar para o Mundial de 2006? Você sabe porque é que o Ricardo ficou no banco? Você sabe porque é que o técnico do Real Madrid dispensou o Figo? Você sabe onde está a jogar o Figo hoje em dia? Você sabe quem os ingleses consideram o melhor técnico do mundo? Você sabe que o Mourinho é estátua de museu em Inglaterra? Você sabe quando será a próxima exposição da Paula Rêgo? Você sabe qual será o próximo projecto do Siza Vieira? Você sabe qual é o novo filme do Steven Spielberg? Você sabe qual será o próximo filme do Manuel de Oliveira? Você sabe o que vai estrear esta semana nas salas dos nossos cinemas? Você sabe quem ganhou o Óscar do melhor filme este ano? Você sabe porque é que o George Bush não retira as tropas americanas do Iraque? Você sabe o que levou o presidente de Israel a devolver a Faixa de Gaza aos Palestinianos? Você sabe como e onde aconteceu o último atentado terrorista? Você sabe o que o furacão Katrina provocou no sul dos Estados Unidos? Você sabe porque é que as empresas portuguesas diminuíram os seus investimentos no Brasil? Você sabe porque é que a nossa economia está tão ligada à economia americana? Você sabe porque é que a economia espanhola está a invadir o nosso país? Você sabe qual é a temperatura que vai fazer hoje?"

Quem lê, sabe.

Uma homenagem ao Dia Nacional da Imprensa

18 comentários:

Sem Nome disse...

Eu gosto da ideia mas fico sempre a pensar se o consumidor irá ler isto tudo? Se não ler, ele é que perde.

peter disse...

eu também gosto.acho que é sempre bom haver variedade na comunicação. Os anúncios que são uma coisa mas parecem outra já deram o que tinham a dar. As pessoa agora querem é saber coisas concretas.

Atlantikgirl disse...

Gosto...
mas admito (e acho que vai acontecer o mesmo com a MAIORIA) li apenas as três primeiras linhas e a última...
Nós os portugueses temos pressa...e preguiça ;)
Mas gosto da ideia.

_Faceless_ disse...

Gosto imenso,mas tenho a ideia tb que as pessoas provavelmente náo leram todo, eu li porque me interessa. O copy deve ter ficado super satisfeito por escrever isto. :)

Neurónio Solitário disse...

O objectivo não é que se leia tudo. basta ler as primeiras 3 ou 4 perguntas e depois passar os olhos sobre o resto. A ideia é que tem de passar. No fim, o que interessa não é que a pessoa saiba quais as perguntas feitas. Interessa que a pessoa saiba que as respostas a todas as perguntas está na imprensa. O resto do texto pretende apenas passar a ideia da quantidade de informação que um jornal fornece a quem o compra. Tão simples quanto isto. Nem sempre um copy extenso é para ser lido na integra. às vezes o objectivo é ter uma mancha de texto grande, que só por si passa uma ideia. Seria mau se de facto para as pessoas receberem a mensagem tivessem de ler tudo. Mas não é isso que acontece aqui.

placebo disse...

tão bom ler este blog. Continuem! Estão de parabéns!!!

Anônimo disse...

É dificil fazer grandes copys, anúncios com muita letras e sem nenhum apelo visual. Vale pelo esforço, apesard e eu não ter passado da primeira coluna.

Anônimo disse...

A FCB está de parabéns. Excelente anúncio!

Anônimo disse...

Gostei. É bom para aumentar o gosto pela leitura.

Ruivo disse...

Bravo.
Nota 20 na heróica tarefa de fazer um anúncio de copy.
Nos dias que correm não é fácil...

Sem Nome disse...

Neurónio Solitário concordo contigo excepto na parte em que dizes "Seria mau se de facto para as pessoas receberem a mensagem tivessem de ler tudo." porque existe várias páginas duplas para o Banco Internacional feito pela BBDO (copy Bidarra, não sei quem foi o arte) com um conto infantil que explica como funciona as contas do banco. E é um texto mais longo que este.
Esse era uma boa impresa para estar neste blog.

TC disse...

o Nosso Portfoil já tem essas peças. No entanto, não têm qualidade suficiente para se aumentar e poder ler o texto sem problemas. Se conseguir enviar-nos novas imagens, teremos muito gosto em publicar. portugalfolio@gmail.com

Anônimo disse...

Isso é coisa de propaganda velha. Não se faz mais. Os caras estão pedindo reciclagem.

Anônimo disse...

E isso é comentário de director de arte júnior. Cresce e aparece. E vai lendo o livro enquanto esperas pelo filme.

Sem Nome disse...

Estás a dizer isso a quem?

Anônimo disse...

Se publicarem os Banco Privado que sejam os recentes e não aqueles com 4 anos, a não ser que este seja um Blogfolio tipo "classicos" o que não é muito interessante.
Já agora, bom anúncio da FCB. Era bom que pegasse os anúncios de Texto grande (mas duvido)

Anônimo disse...

um anúncio digno de redator experiente, muito bom mesmo, até no Brasil isto seria considerado bom.

Anônimo disse...

eu não tinha lido os comentários anteriores antes de mandar o meu, logo acima. que horror é saber que pouca gente entendeu a idéia e que pouco importa se lerem todas as perguntas, isso demonstra que os publicitários portugueses estão mau, a não ser uns poucos neurónios solitários... ele teve de explicar o resultado da interação mensagem - receptor (escola de frankfurt é aí perto) que é perfeito. ninguém lê todo, mas entende que pode saber de tudo no jornal e que aquilo tudo que ele deixou de ler, ele talvez não saiba se não ler jornal, UFA!!! dá mais trabalho explicar. vão estudar pra entender de propaganda, eu hein.