segunda-feira, julho 17

União Zoofila


União Zoofila
Vídeo enviado por oportfolio
Cliente: União Zoofila
Agência: Strat

40 comentários:

Anônimo disse...

boa

T disse...

gostei muito. parabéns.

BIDARRA disse...

mas isto é um fantasma! é uma granda merda! onde está o briefing, o trabalho duro comigo a gritar nas orelhas do criativo? isto não pode ser!... ah, foi feito pelo goncalinho? ah, nada mal, nada mal, vê-se mesmo que deve ter sido veiculado! um clássico! eu (que formei este miúdo) estou de parabéns!

Anônimo disse...

o gonçalinho já lá nao está a muito tempo oh lindinho

Anônimo disse...

nao sejas invejoso porque o trabalho está muito bom. agora sim, um trbaalho do nosso Portfólio

o crítico disse...

..... pois mais uma ideia reciclada de Cannes do ano 2000, vou ver aos books e já vos digo o país e a agência.....
é a criatividade pelo choque, é sempre o lado mais fácil para parecer que está aqui um grande trabalho, sei que toda a gente deve se ter envolvido muito nestre trabalho, mas acho muito gratuito a vida não é assim..... tangas e os funerais tb não são assim, não é com trabalhos destes que os anormais não vão deixar de abandonar os animais nas férias

Edie Falco disse...

Ponto número um: a frase/conceito "ele nunca o abandonaria" lembro e afirmo com toda a certeza de que já vi numa campanha similar em Espanha.

Ponto dois:a frase está mal aproveitada. "Ele nunca o abandonaria", é válido se a pessoa tiver um revés, ficar só, etc. Mas, com a pessoa morta??? O que me interessa se depois que eu estiver morto o meu cão vai continuar fiel a mim?Coitado, se é para acontecer isso, prefiro nem ter um cão. Não acham que a situação é patética, má? não acham que é principiante? não acham que os criativos deveriam ter bolado outra situação, pensado mais um pouco? não acham que é amador? é que não basta ambientar uma ideia num cemitério para ficar contundente. Já agora, fazendo um paralelo e seguindo a linha de raciocínio do anúncio, o que esperam de mim como target, que seja também fiel ao meu cão mesmo depois da sua morte?

E PÁ, FAÇAM FILMES COM SENTIDO, ATÉ QUANDO TEMOS DE ATURAR O AMADORISMO E A PREGUIÇA DESSE MERCADO???

Anônimo disse...

Muito, mesmo muito bom! Parabéns Zé Campos!

BIDARRA disse...

pois, pois, desculpem o meu erro (quem disse que o bidarra nunca erra), claro que o gonçalinho já saiu da strat, até dei-lhe um seguro desemprego aqui no galpão enquanto ele não se desenrascava . desculpem, desculpem, é que ainda estou deveras abalado com a facada nas costas que o albaninho me deu... será que eu, o césar da publicidade, estou fadado a ser traído por este batalhão de pequenos brutus que eu ando a criar? já agora, este filmeco (que não é do gonçalinho) é uma grande merda!

Anônimo disse...

claro que o Bidarra escrevia: até dei-lhe. Escreve-se: até lhe dei. só para aprenderes.

Anônimo disse...

Ediota Falco, sabes o que é um filme? para teres tanto tempo para estar sempre a arrotar postas de pescada, seguramente és tão mau que nem spots de radio acompanhas. vivó folheto, vivó ediota falco!

Edie Falco disse...

Não fique revoltado. Faça mas é um filme como deve ser.

Anônimo disse...

já agora, idiota falco é um péssimo trocadilho...

Brazuca disse...

é ruim, bem produzido, mas cheio de ruídos de comunicação.

tentaram fazer um filme "real" contando uma história irreal.

no caso de abandonar um animal, não seria melhor explorar o lado positivo de se ter um? mostrar como podemos ser felizes e VIVOS com um animal de estimação?

talvez com mais trabalho, encontrassem outra forma de texto para a mensagem:
"eu não abandonaria o meu cão. nem morto.", mas mostrando algo positivo, o cão trazendo jornal, defendendo-me, sei lá, coisas positivas que nos façam dizer o texto acima.

enfim, faltou pertinência e sobrou brio.

Anônimo disse...

este filme mostra um enterro mas é o da carreira do criativo responsável por esta infeliz ideia... zé campos, aprenda com os gajos da partners como se faz fantasmas...

Anônimo disse...

pois..... se o taregt sao os mortos!!!! ta muito bom e sensibiliza qq MORTO!
Agora é esse o objectivo?????
- Foi.
Nao ha duvida que até mesmo quando se quer fazer filmes para festivais a cena sai sempre ao lado.

saudosista disse...

parecem principiantes, já foi tempo desta comunicação à 10 anos atrás

Gaspar disse...

Mais um filme para tentar promover os criativos e a agência, mas que realmente só serve para isso, se tem pena dos animaizinhos ponham no ar os filmes que já foram feitos no passado para estas causas que tem a mesma utilidade.
Sim porque estas coisas custam dinheiro e é muito fácil andar a brincar com o dinheiro das produtoras, mais tarde ou mais cedo algum cliente vai pagar estes custos.

Anônimo disse...

Gosto. Bastante.

Anônimo disse...

Esse cão só está esperando o padre virar as costas pra começar a cavar o buraco e devorar os ossos do defunto.

Atlantikgirl disse...

Eu gosto, muito.

Anônimo disse...
Este comentário foi removido por um administrador do blog.
Edie Falco disse...

Ah, ah, ah, ah, essa dos ossos teve piada.

PARTNER disse...
Este comentário foi removido por um administrador do blog.
zé creto disse...

está longe de ser um bom filme. é sensaborão e o insight saído do livro da carochinha. Digam-me alguma coisa que eu ainda não saiba, convençam-me de outra forma, por favor.
não sei se é, mas parece ideia de estagiário.

Anônimo disse...

O Filme é mediano +,
mas muito melhor que os comentários do senhor Falco que acha que sabe sempre tudo tal como a maior parte dos criticos. A realidade é que uns criticam e outros fazem. Edie tu estás nos primeiros certamente, porque não conheço ninguém no mercado Portugues com tantas certezas e tão competente, pelo menos que esteja a trabalhar neste mercado. Claro que podes estar no lado dos jornalistas e ai a historia é outra.

Edie Falco disse...

Conversa, o filme é fraco, vc sabe e quer esconder a verdade.

Anônimo disse...

Edie Falco, conta ai à malta um dos grandes filmes que tenhas feito?
Deste, eu gostei muito.

Anônimo disse...

o cão andava perdido no Oliveira da Serra e afinal o dono já tinha marchado......

Anônimo disse...

o cão andava perdido no Oliveira da Serra e afinal o dono já tinha marchado......

Sem Nome disse...

Ele já deve ter perdido a conta dos filmes bons (claro) que fez. Tinha de criar um blog só dele. Sugestão www.ediefalco_oMAIOR.pt

idealista disse...

A publicidade, como qualquer outra forma expressão que influencia a mente do ser humano, deveria servir acima de tudo para isto e só depois para fins comerciais, lucrativos e bla, bla, bla (essas tretas todas que infelizmente servem para que a publicidade sobreviva). Qual é a relevância de isto ser um ghost (que não é) ou não se é para alertar para um problema grave da nossa sociedade? E quanto aos anormais que não vão deixar de abandonar os animais, esses vão ser sempre anormais, porque se não se sensibilizam com o próprio acto, muito menos isso acontecerá ao verem um anúncio. O importante é fazer com que não se criem mais anormais. Fiquemos por aqui, não?

idealista disse...

Adorei este filme.

Sininho disse...

Perfeito.
Até a mim me doeu na consciência e eu olha que eu deixei a cadela entregue aos cuidados da mamã...

Anônimo disse...

Este spot publicitário esta mesmo "brutal" , acho q nao ha palavras suficientes para descrever a vossa capacidade criativa para uma coisa tao verdadeira e (infelizmente banalizada), o abandono. Para alem de ficar arrepiada é plausivel este trabalho..mtos parabéns =)

Sophia F.

Anônimo disse...

hahahahahahaha, sophia, quanto ganhastes de cachê?

Gostastes pouco... disse...

Oh anonymous, tu não gostastes?

Gostastes pouco... disse...

Oh anonymous, tu não gostastes?

Anônimo disse...

pena, pena é ler comentários de criativos tão iluminados e volta e meia é só erros de ortografia.
a propósito, o filme está um espanto. morto ou não morto, a mensagem parece mesmo ser a de que um animal de estimação é tão fiel que nunca abandonaria o dono (verbo no condicional... sabem o que isso significa?). a questão aqui é a da fidelidade e não a de que o target é um morto! como é que se pode ser tão básico?!

Educacão FERNANDO SILVA disse...

não sei o que se passa aqui...
este anuncio ganhou uma porrada de prémios...passou não só em Portugal como no Brasil também...leva uns bons milhares de visitas no Youtube
continua a passar a mensagem 5 anos depois de ser feito...
Ok sou o dono da cadela do filme, por isso acompanho um pouco do que se passa com ele...
É uma obra prima da Publicidade e quando vejo as criticas, tão más... de criativos neste blog só posso pensar que são incapazes de aceitar que os seus concorrentes foram brilhantes e iluminados... pelo menos uma vez...