quarta-feira, janeiro 9

Wall Street Institute















Agência Brandia Central
Anunciante Wall Street Institute
Produto Escola de Inglês
Director Criativo Marco Dias
Directores de arte Marco Dias e Hugo Carvalheiro
Redactor João Navarro
Director de contas Hugo Carneiro
Executiva de contas Sara Rivera
Produdora Garage Films
Realizador Ernesto Bacalhau
Pós-produção Ingreme
Som Som de Lisboa
Fotografias Bate-chapas

15 comentários:

Talhante disse...

Belos bifes! Muito Bom trabalho!

Anônimo disse...

completamente ao lado!
parabéns! bela campanha!!

Anônimo disse...

Demasiado mau, demasiado fácil. Parece coisa de estudante. A linha de texto é a estocada final numa rês que já não era muito saudável.

Anônimo disse...

É divertido, chama a atenção. Agora não sei se escolheria esta escola para aprender a «lingua dos bifes». Não me parece muito sério nem credível.

Anônimo disse...

ahahahahahahaha


ta fixe por acaso!

hugo veiga disse...

Parabéns Hugo e equipa. Uma bela dose de bom trabalho.

Anônimo disse...

i like it a lot :D

Bruno Pessanha disse...

Todos nós gostamos e damos palmadinhas nas costas uns dos outras. Agora a pergunta derradeira: algum de vocês pensaria em ter aulas e aprender inglês nesta escola?? A comunicação mais do que chamar a atenção deve criar reputação e ajudar a vender credibilidade. Parece uma escola de linguas para os malucos do riso. Sorry acho divertido, mas um tiro no pé para a marca.

TC disse...

mkt sawy diz:

não dá vontade de ler/ver.
A ideia não muito má, mas a concretização é pouco apelativa. Talvez se fosse tudo em banda desenhada, resultasse melhor.


(este comentário foi editado para que pudesse ser publicado)

Anônimo disse...

q bobagem ler os comments, nao sei pq ainda faço isso...

parabéns a equipa, é daquelas ideias que estavam à nossa frente - tão óbvia - e nunca ninguem usou. ninguém pode tirar-lhe esse mérito. tá bem conseguida, apesar da direção de arte.

Anônimo disse...

Mais uma campanha a associar bifes aos ingleses. Já foi mais usado que o pai natal no natal.

Anônimo disse...

Não seria melhor meter uma língua de vaca em vez de um bife?

Anônimo disse...

Gostava de saber onde é que viste uma campanha que tem por tema criativo associar bifes aos ingleses, podes mostrar um exemplo, já que há tantos...

Anônimo disse...

Vou-te dar só um peq. ex: Portugália Euro 2004. Queres mais?

Nuno disse...

A ideia é fácil. Não transmite credibilidade. Pode funcionar se eles quiserem chegar a públicos mais jovens, miúdos, mas prejudica os públicos mais velhos. Não se decide tirar um curso pela piadinha (cliche) do anúncio... digo eu.